BlogO Plano de Carreira em W e o futuro do crescimento dentro das empresas 
11.09.19 Recursos Humanos

O Plano de Carreira em W e o futuro do crescimento dentro das empresas 

Diferentes tipos e tamanhos de empresas requerem diferentes tipos de crescimentos para seus funcionários

As relações de trabalho não param de evoluir em todo o mundo, e isso inclui diversos aspectos da vida profissional, incluindo o plano de carreira dos funcionários. O plano de carreira é um planejamento que inclui metas e objetivos bem definidos que levam ao crescimento do funcionário dentro da empresa. A grande questão é como isso é feito.

Nos últimos anos, as empresas passaram a deixar de promover o plano de carreira em Y e passaram a resgatar os planos de carreira em W. Parece confuso? Então entenda o que isso significa:

Plano de Carreira em Y

Normalmente, os planos de carreira seguiam uma linha engessada de crescimento. Para crescer, funcionários precisavam passar por cargos de gerência e direção. Porém, as empresas começaram a perceber que diversos funcionários não tinham este perfil. É neste cenário que surge o plano de carreira em Y. Neste tipo de plano, os funcionários precisavam decidir se seguiriam para um cargo de gerência no setor ou iriam se especializar de forma técnica na área em que trabalhavam. 

Porém, apesar de oferecer uma opção ao funcionário, este tipo de plano de carreira acabou se mostrando, com o tempo, limitador, pois não leva em consideração funcionários com perfis diferentes e não permite muita transição entre os setores, impedindo a descoberta de novos talentos.

Plano de Carreira em W

É aí que entra uma forma diferente de enxergar o crescimento profissional, os chamados planos de carreira em W. Neste tipo de plano de carreira, os funcionários continuam tendo as opções de crescimento inclusas no plano de carreira em Y – de gerência ou especialização técnica. Porém, há neste tipo de plano uma nova opção, que mescla talentos técnicos e gerenciais. É o caso, por exemplo, de um gerente de projetos, que, apesar de liderar um setor, continua colocando a mão na massa e lidando com questões técnicas. 

Este tipo de plano permite que funcionários que não se encaixam nos perfis tradicionais de gerência ou de especialidade possam também crescer dentro da estrutura da empresa como líderes técnicos. Essa mescla cria funcionários multifuncionais e com conhecimentos amplos de diferentes áreas da empresa. Essas características beneficiam tanto o trabalhador quanto a empresa, que conta com funcionários mais aptos a lidar com problemas complexos.

Possibilidades variadas

Esse formato de crescimento varia de acordo com a complexidade do organograma das empresas. Em empresas com estrutura muito complexa, estes caminhos são ainda mais variados. Não há apenas três possibilidades, mas cinco ou dez. Nestas empresas, existem as chamadas carreiras paralelas. Em outras, com organogramas mais simples, tal complexidade não faz sentido. Algumas empresas, por sua vez, colocam esta possibilidade de crescimento em W apenas para alguns funcionários, em locais estratégicos dentro do organograma.

São opções que devem ser avaliadas dentro de cada empresa. Cada realidade pede um tipo de crescimento diferente e deve ser considerada antes de uma mudança.




Revolucione agora seu RH!

Simplifique, inove e otimize seu tempo em todos os processos de sua empresa em um único aplicativo!

Começar